segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

AGÓGICA


queria escrever amor
de modo que entendessem de outro modo
não tenho essa simplicidade
para escrever amor
preciso usar palavras

domingo, 22 de dezembro de 2019

ABROLHO


durmo atravessado pela noite
estrelas não sonham comigo
por onde escorro é tudo escuro
o dia claro finge ser um bom abrigo
e abre os meus olhos
como se eles fossem puros

quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

SUBÚRBIO 4


embora a noite chegue
a tarde permanece sentada
junta as pessoas e as suas sombras
esquecidas em caixas
desmontadas

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

SUBÚRBIO 3



árvores submersas no cimento
exalam um cheiro de pés descalços
que ainda pisam
entre uma e outra pipa perdida
nas costas de um céu desanuviado