quinta-feira, 25 de outubro de 2007

esse poema é de NICOLAS BEHR

PEREGRINO DO ESTRANHO

no início vai sair sangue muito sangue
no inicio vai doer
depois não vai doer mais não
no início você vai sofrer
- aliás você está aqui pra que? -
no início você vai se desesperar
depois não vai se desesperar
mais não
no início você vai querer
morrer
depois não vai querer morrer
mais não

Nenhum comentário:

OXÍMERA E A SUA OBRA

Oxímera construiu um desenho no piso do quarto para isso precisou afastar a cama exibindo assim o lixo que estava ali acumulado ela ...