quarta-feira, 6 de setembro de 2017

FLOR DA PÁGINA

meu olho ficou sobre a página
parecia uma planta sem alma
mesmo assim cresceu
mesmo sem o poro da página
a raiz se fez palavra
para enxergar dessa maneira







Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...