quinta-feira, 12 de julho de 2018

FORA DO PEITO


meu coração bate sem mim
meu corpo prossegue sem mim
não consigo me situar em nenhum aparelho
o mundo é um estranho que me ultrapassa
e me pergunta onde é a estrada
aponto para baixo
para o fundo
da minha asa


Nenhum comentário: