quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

BAGAGEM


minha lágrima
abaixo do nível do mar
minha mágoa
não sabe o que é navegar
ancorada num canto da fala
confunde o mar com a chuva
desenha no olho miragens
e deságua numa viagem
sem bagagem


Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...