segunda-feira, 18 de julho de 2016

VENTO

as plantas se movem
independente do vento
eu não me movo sem o vento
ele empurra o meu pulmão
para fora para dentro
o pulmão empurra o oxigênio
para o meu sangue
que empurra o meu corpo
para não sei qual direção
talvez para onde
nos tornamos vento

Nenhum comentário:

VERÃO PASSADO

  o verão passou e você permaneceu calada esperei aquela palavra ou melhor qualquer palavra parecida com um outono menos amargo ...