sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

CONTRATEMPOS



não tenho nada contra o tempo
nem a favor
meu tempo se esgarça contra o tempo
um tecido sem conserto
pouco vai sobrar com o tempo
aos poucos serei expulso
e mergulharei noutro tempo
sem nunca ter sido

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...