terça-feira, 15 de janeiro de 2019

O COLECIONADOR DE PEDRAS


quando eu colecionava pedras
procurava as mais caladas

pedras tagarelas formam furos
denso espaço de musgo

pedras caladas entendem
a inutilidade das palavras

Nenhum comentário:

SEDE

 um poema escrito na água cumpre sua função  de sede