segunda-feira, 10 de agosto de 2009

ditirambo


amar não precisa
de pensamento
como beber um poema
um gosto de poente
se espalha
entre o canto da boca
e da alma

Nenhum comentário: