quarta-feira, 28 de abril de 2010

DORSO

meu dorso
pendurado em teu osso
busca o barulho
do chão
aguado qual
libélula acesa
provocando mãos

Nenhum comentário: