terça-feira, 26 de outubro de 2010

POEMA DEFINITIVO

gostaria de participar a todos
o poema definitivo
derrama-se agora com o meu silêncio
esgota os esgotos
gota a gota o movimento
o poema definitivo
parte de mim
para sempre
para nunca vais

Nenhum comentário: