segunda-feira, 2 de junho de 2014

MOVEDIÇO

cubro o deserto
sou a superfície
onde o mundo se afunda
engulo os primeiros passos
vomito água
não há o que digerir
nenhum momento é alimento
definho até formar os espaços
entre os grãos de areia

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...