terça-feira, 30 de setembro de 2014

POR AQUI


mesmo que não acerte na veia
o sangue vai correr
a culpa o medo o ódio
tudo é muito vascularizado
pinças travas torniquetes
peças raras
nada evitaria o fundo
mais vermelho
o sangue vai correr
sem cansar
vai correr até entupir
o sangue vai te deixar
por aqui

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...