quarta-feira, 7 de setembro de 2016

RODEADO DE ELEFANTES

estamos rodeados de elefantes
alguns são azuis
outros opacos
a maior parte esquartejados
perturbam meu sono
seus passos no andar superior
só utilizam as escadas
enxergam no espelho do elevador
sua parte humana
acreditam que o homem e a arma
são o mesmo homem
e abrem seu poro para o afago
como abrem a boca para o beijo
sem saber o quanto é amarga sua língua
e indecifrável




Nenhum comentário:

AQUELES DIAS DE DESESPERO

  tem dias que bate um desespero uma vontade de arrancar os cabelos até os pentelhos vontade de correr nua pelas ruas ampliar o co...