sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

POEMA COM EXPLICAÇÃO NO RODAPÉ


da meditação pincei uns dias
dispostos em desordem
ao redor do corpo pertencente
a uma sombra que desconheço
porque a luz tomou tudo
de modo que os olhos
tornaram-se inúteis
e o que precisa ser iluminado
apenas terá sentido se for visto
toda a essa luz no rodapé da página
afasta a possibilidade de leitura
e inutiliza tudo o que foi escrito até aqui

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...