quinta-feira, 22 de julho de 2010

DA NUDEZ COMO FORMA DE DEGUSTAÇÃO

nua
da cintura pra fora
o mundo é um caminho sem demora

nua
da cintura pra cima
poema intoxicado pela rima

nua
da cintura pra baixo
a fêmea do abismo não tem macho

nua
da cintura pra dentro
o princípio de tudo é o centro

Nenhum comentário: