quinta-feira, 21 de março de 2013

INVIABILIDADE

não sou mais viável
estou passível de mover os nós
o que poderia crescer entre mim e o mundo
tornou o impossível maleável
desço até onde a vista alcança
abraço sem usar os braços
pareço a minha pele
embora eu não esteja mais aqui

Nenhum comentário: