quarta-feira, 30 de setembro de 2009

CÉU CAMBOJANO


estrelado
a parede do meu céu descoberto
sem ninguém pra amar
sem o mar por perto
decerto suar
sem estar no deserto
encontrar no luar
outro tipo de oceano
descobrir que morrer e amar
estão no mesmo plano

Nenhum comentário: