quinta-feira, 28 de junho de 2012

HÁBITO

desde pequeno mastigo arames
geralmente farpados
em silêncio rumino
as contrações explodindo
desde pequeno defeco arames
geralmente lisos
aos gritos expelindo
trilhas e traças construindo
desde pequeno me alimentam
com arames e vidros e pedras
geralmente separo o arame
de tudo que não presta
expurgo as pedras e os vidros
e as palavras que me restam

Nenhum comentário: