terça-feira, 21 de maio de 2013

MINHA TESTA

minha testa
paralela ao sol
forma uma sombra
no meu pensamento
havia um poema lá dentro
agora está preso na página
amordaçado por outra página
pensamento quando for lido
outro momento de entendimento
outra maneira de tornar-se lento
minha testa
pendurada na cabeça
forma uma fresta
por onde o mundo se esvai

Nenhum comentário: