sexta-feira, 5 de abril de 2013

INSTALAÇÕES

a poesia instala
um terror menor
aproxima o leitor
de uma nova dor
uma nova maneira
de calar
transforma o espaço
vazio
num local
onde os passos
surgem das paredes

Nenhum comentário: