quinta-feira, 27 de junho de 2013

PACÍFICO

quando eu carregava bandeiras
eu era calmo
até que me arrancaram os braços
quando eu gritava
eu era tranquilo
até que me arrancaram a língua
quando eu corria de encontro às barricadas
eu era sossegado
até que me arrancaram as pernas
agora sou apenas um tronco
boiando no oceano pacífico


Nenhum comentário: