quinta-feira, 24 de abril de 2014

EMBRIAGADO PELO SILÊNCIO

enrugo o branco da página com as palavras
caminho trôpego sobre elas
embriagado pelo silêncio
vomito eras


Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...