sexta-feira, 1 de abril de 2011

INVENÇÃO DE ÁRVORE

quem inventou a raiz
não conhecia asas
e ergueu gestos de
galhos retorcidos
musgos e areia
e inútil ergue sua copa
para o alto
na tentativa de um vôo
imaginário

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...