segunda-feira, 13 de junho de 2011

IMAGINAÇÃO

para imaginar a imaginação
utilizo as mãos
ergo com os gestos
pedras no ar
alicerce
da minha queda
na realidade

Nenhum comentário:

NATIMORTO

  todo poeta nasce morto isso explica sua briga inútil com a vida usa palavras e delas se defende se transforma em estátua quand...