sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

QUANDO RECUPERAR MINHA CABEÇA

voltarei a sonhar
quando recuperar minha cabeça
eu a deixei na porta
em alguma estrada morta
não bastassem os automóveis
passando por cima
a terra não se move
diante da rima
quando recuperar minha cabeça
navegarei em sonhos
rio acima

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...