terça-feira, 17 de dezembro de 2013

RAIZ

não sentir-se na multidão
sentir-se um desmanchar entre as pessoas
caminhar igual a uma parede
repleta de prumos e sede
curvar o passo antes do toque no chão
raiz enlouquecida
que tenta respirar por dentro da terra
e não se enxerga
estende a mão para o alto
até formar uma árvore

Nenhum comentário: