sexta-feira, 21 de outubro de 2011

MEU VENENO

eu te amo
como quem morde
a própria morte
e o veneno
que inoculo
torna o mundo
a parte da chuva
mais forte

Nenhum comentário: