segunda-feira, 25 de julho de 2011

MEUS LIMITES

os meus limites são suaves
nem corta tudo
só metade
e o que não corta
permanece aberto
como se soubesse porta

Nenhum comentário: