sexta-feira, 18 de março de 2011

FLORESTA

pouca coisa
a floresta atinge
mesmo verde
sendo o seu medo
é de outra cor
que eu estou pesando
é de outra cor
que eu estou falhando
pouca coisa
atinge a floresta
flora a cor
que lhe basta
pouca coisa
deixa a floresta calma

Nenhum comentário:

RUA BENFICA

  o mais antigo numa casa antiga é o silêncio divide o corredor com o tempo ambos trôpegos quase abraçados espalham grossas pa...