quinta-feira, 31 de março de 2011

PAI

nada que eu disser
ouvirão frutos
árvores planejam quintais
eu perco os ritos
cantar exila o que fiz
zerar a porta
melhora a madrugada
reacende o solo
regar a enxada

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...