segunda-feira, 14 de novembro de 2011

ALEGRIA

alguns motoristas de terno
ganham menos que alguns sem terno
artistas não ganham
a mesma coisa
uns morrem de tédio
outros sem remédio
uns morrem em palácios
outros na rua
alguns morrem de tristeza
os sem sorte morrem de velhice
o poeta não sabe por que escreve
mas sabe por que não apaga
o poeta não é triste
triste é quem encontra alegria na poesia
a poesia não me traz nenhuma alegria
eu sou alegre sem poesia

Nenhum comentário: