segunda-feira, 21 de novembro de 2011

O QUE MEUS OLHOS

vicio meus olhos
com imagens falsas
olho para o homem
e enxergo esperança
olha para uma flor
e enxergo poesia
eu me exponho aos olhos do mundo
esperando que ele também esteja viciado
sou desse modo que me apresento
pareço sentindo tudo
mas disfarço

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...