segunda-feira, 7 de novembro de 2011

PERDAS

o modo de perder
é mais relevante que a perda
perder verdadeiras posses
nunca perderei o amor
nunca perderei a dor
nem tenho essa rima
tenho uma agonia
parecida com a poesia
será difícil perdê-la
foi mais fácil obtê-la
aprender a morrer
é o melhor modo de
perder a poesia

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...