segunda-feira, 26 de agosto de 2013

AMARELO

as cores do tempo
meus dentes amarelos
num sorriso amarelo
numa foto amarela
pendurada em qualquer espaço
entre o todo e um pedaço
a foto guarda a cor
ou adquire
mas não guarda o pensamento
expele
não lembro no que eu estava pensando
no momento da foto
a foto me lembra o lugar
e o lugar nunca vai me lembrar

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...