terça-feira, 27 de agosto de 2013

PALAVRAS EM SEGREDO

lembro do sopro
as palavras ficaram soltas
fora dos livros
e as estantes suspensas
junto aos músculos
curvaram-se diante do vazio
lembro é um exagero
um fio de cabelo no sono
repousado entre o olho e a fala
as palavras flutuavam
fora dos livros
sabiam do pior lugar
para se guardar
melhor permanecer em segredo
um palmo antes do medo
de se pronunciar

Nenhum comentário: