quinta-feira, 15 de setembro de 2011

ONDE GUARDAR OS SONHOS

bebo da vasilha do caos
o gosto amargo me desperta
vivo de acordo com os meus sonhos
sonho algum dia ter uma cabeça
onde eu possa guardar os sonhos

Nenhum comentário:

RUA BENFICA

  o mais antigo numa casa antiga é o silêncio divide o corredor com o tempo ambos trôpegos quase abraçados espalham grossas pa...