segunda-feira, 19 de setembro de 2011

REPOUSO

a poesia 

é a zona erógena do caos

poesia é som que surdo inventa

poesia é igual a um passarinho d'água

quem muito se aproxima para ouvir

finda mergulhando no sentir


Nenhum comentário:

NATIMORTO

  todo poeta nasce morto isso explica sua briga inútil com a vida ataca palavras e delas se defende se transforma em estátua qua...