terça-feira, 14 de dezembro de 2010

COISAS DESAGRADÁVEIS

ultimamente
tenho feito muitas coisas
desagradáveis
escrever por exemplo
levaram os meus pulsos
deixaram o sangue
levaram o meu corpo
deixaram a morte
não posso me eximir
do espólio
se o silêncio foi degolado
o sangue vai irrigar
todos os corpos imaginários
a poesia é a causa
de todos os sangues
é fácil de carregar
não cria músculos
a poesia tem o mesmo peso
do silêncio

Nenhum comentário: