terça-feira, 14 de dezembro de 2010

A ENTRADA DA NOIVA NA IGREJA

é de nuvem o véu
estrelas na grinalda
sapatos de diamantes
obrigam a curvatura da escadaria
o coração entre as flores
nas mãos trêmulas
portas são demolidas
pela felicidade
o corredor de perfumes coloridos
olhos sustentados por sorrisos
a música faz tudo flutuar
e pensamentos e palavras e gestos
formam uma doce névoa
a noiva desliza em direção ao altar
no final o noivo
talvez plane com asas prateadas
parece imóvel
parece longe
pintado de um amarelo artificial
e quando se aproxima
mostra os braços abertos
juntos às travas de madeira
as sete chagas se abrem
para recebê-la

Nenhum comentário: