sábado, 4 de dezembro de 2010

JUNTANDO ÁGUA

não é só juntando palavras
que se forma a água
nem alterando
o curso do destino
basta espremer o tempo
para verter o líquido feminino

não é só juntando palavras
que se forma um poema
nem mencionando o tempo
ou o destino
basta espremer a página
para verter o líquido infinito

Nenhum comentário: