quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

AUTOFAGIA

comecei pelos olhos
terminei pelas mãos
agora são sopros as palavras
talvez nem escutem
as mãos que acenam adeus
apenas ensaiam tatear saudades

Nenhum comentário:

PELAS RUAS DE SÍTIO NOVO

caminhamos tranquilos pelas ruas de Sitio Novo o córrego e eu entendemos de sigilo escorremos nossos segredos pelo meio-fio até que o sol de...