terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

POÇO

não é preciso chegar
ao fundo do poço
pra saber que a fonte secou
a lama no balde
dá a notícia
a lama quando espera
vira pedra
expõe o esqueleto de janeiro
deitado nos trilhos espero a poesia
o trem chega primeiro

Nenhum comentário: