terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

BIFURCAÇÃO

por onde vão os mortos
dali vem a poesia
não se angustia o sol
quando desnecessário
caminhos não se bifurcam
estão vindo ao teu encontro

Nenhum comentário:

AQUELES DIAS DE DESESPERO

  tem dias que bate um desespero uma vontade de arrancar os cabelos até os pentelhos vontade de correr nua pelas ruas ampliar o co...