quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

BOSQUE SEM FLORES

os passos do bosque
sob o asfalto
torna firme um sol
escondido entre as folhas
de aço desfolhado
dos automóveis
parecia uma lágrima
era gasolina
parecia um carinho
era a terceira marcha
o sol parecia um farol
com o outro queimado
porém era o sol de verdade
abrindo um varal
com o bosque pendurado

Nenhum comentário: