quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

CÓPIA MAL FEITA

este poema não confere com o original
onde havia sensibilidade ficou um buraco
a tão falada palavra exata
ficou ininteligível
o poeta responsável foi visto
dobrando a esquina do esquecimento
com os bolsos cheios de carimbos
este poema é uma cópia mal feita
sugiro a extinção da sua leitura

Nenhum comentário: