quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

SALA

as linhas formadas pela luz
escondem o mundo lá fora
o homem quer ser o princípio
mas necessita de água
e a sua fala não cala
onde tudo recomeça
sua sede seu suor
marcam as cadeiras
e os seus passos
coincidem com o pensamento
mesmo que fabrique outro peito
não conseguirá refazer
o coração que restou aos pedaços

Nenhum comentário:

AQUELES DIAS DE DESESPERO

  tem dias que bate um desespero uma vontade de arrancar os cabelos até os pentelhos vontade de correr nua pelas ruas ampliar o co...